segunda-feira, 22 de setembro de 2014

Gelo, fogo, mel, limão e muito mais

Quando uma receita é preparada com os melhores ingredientes e por um chef hábil e criativo, tende-se a acreditar que será rica em sabor, textura, apresentação e de maneira surpreendente irá conquistar muitos e variados paladares. 

Pense agora que este chef extremamente habilidoso seja George R. R. Martin e que os ingredientes sejam os personagens das crônicas de Gelo e Fogo. O resultado não poderia ser outro: uma história sagaz, muito bem contada, cheia de surpresas e com uma legião de fãs alucinados para saber o que acontecerá a seguir.

as crônicas de gelo e fogo e mel e limão e muito mais

Fãs que não se perdem mesmo em meio há tantos personagens, tantos núcleos, tantas mortes e em contextos absolutamente imprevisíveis. Simplesmente um daqueles livros que mais do que envolver são capazes de consumir os leitores que abrem mão de horas de sono por mais alguns capítulos e que não se incomodam em carregar um pesado livro de mais de 600 páginas na bolsa/mão/sacola/mochila para aproveitar qualquer tempo livre, seja no horário de almoço ou no apertado transporte público.

Mas o que talvez mais me impressione é saber que os apaixonados fãs dos livros nutrem este mesmo sentimento pela adaptação produzida magistralmente pela HBO.

Não, não é possível poupar elogios. Game of Thrones é a melhor série e ponto. Não tem comparação com nada do que já foi feito anteriormente e só não entro em maiores detalhes e exemplos para não correr o risco de soltar algum spoiler.

Resumindo, resolvi aproveitar o término da leitura do Livro Um - Guerra dos Tronos e o rápido andamento do Livro Dois - A Fúria dos Reis, para prestar uma homenagem gastronômica à esta fascinante história.

Uma homenagem a favor da criatividade, ou seja, não foi feita nenhuma pesquisa profunda sobre as técnicas e utensílios gastronômicos utilizados para o preparo de alimentos em Westeros. O foco é preparar receitas citadas no Livro Um (sim, depois do dois é bem provável que aconteça uma nova homenagem, em poucas páginas já encontrei menção à bacalhau, rabada, codorna, saladas, empadão de caranguejo e isso só pelo que consigo lembrar rapidamente). Que correspondam aos sabores mencionados nos livros e tentar desta forma sentir-se parte deste universo.

A história começa com a família Stark, composta por Ned, Catelyn (sua esposa), seus 5 filhos legítimos (Robb, Sansa, Bran, Arya e Rickon) e seu filho bastardo: Jon Snow.

Em um determinado momento da história, Jon está pensando em como durante um banquete ele teria que abrir mão da companhia de seu lobo gigante e beber menos vinho se fosse um dos filhos legítimos. Fantasma, o lobo, pede comida e Jon o alimenta com o frango com mel que estava sobre a mesa.

Então vamos rumo ao norte preparar o frango com mel, um dos pratos do banquete da família Stark de Winterfell.

Limpe 1 frango inteiro (tire o excesso de gordura e se a pele possuir ainda alguns cabinhos das penas tire todos, não é necessário lavar o frango). Para o tempero, lambuze o frango com o suco de 1 limão siciliano, e sal a gosto.

No pilão (taí um utensílio utilizado desde a idade da pedra e que provavelmente faz parte de receitas originais de qualquer época) amasse 4 dentes de alho, 1 folha de louro, 1 colher (sopa) de sal e 1 colher (sopa) de azeite. Quando formar uma pasta espalhe sobre o frango massageando a ave. Para completar a marinada adicione 3 colheres (sopa) de mel, 200 ml de cerveja pilsen e 3 cebolas roxas cortadas em 4. Dentro do frango coloque 1 limão siciliano cortado também em 4 partes.

pilão: utensílio utilizado desde sempre

Último toque, sob a pele solta do peito do frango coloque uma camada de manteiga com sal, isso deixa o frango bem dourado e o peito mais suculento. Cubra e leve a geladeira para ser assado no dia seguinte.

frango preparado para dormir na geladeira

Dia seguinte... acrescente na forma 3 maçãs partidas ao meio sem sementes e "Dracarys" nele... traduzindo: fogo!

Leve ao forno o frango com toda a marinada por aproximadamente 1h30 minutos a 180° (até que esteja dourado).

frango com mel, dourado e delicioso

Para acompanhar o frango, pão caseiro com alecrim. Confeitaria, panificação, costuma exigir precisão nas medidas dos ingredientes, por isto utilizei uma balança eletrônica e fiquei imaginando que não deveria me ater a toda esta precisão se a intenção fosse reproduzir da maneira mais autêntica possível... enfim... 

350g de farinha de trigo (2 xícaras), 6g de sal (uma pitada), 26g de açúcar (2 colheres de sopa), 21g de fermento biológico (1 tablete e meio daqueles vendidos em supermercado), 250 ml de leite integral (1 copo daqueles de requeijão bem cheio), 28g de manteiga (2 colheres de sopa), tudo rigorosamente pesado (ou não).

Misture a farinha e o açúcar, esfarele o fermento sobre a mistura, acrescente a manteiga e o leite e por último o sal. E já que "roubei" com o uso da balança, utilizei o batedor do mixer para sovar a massa. Deu certo! É importante sovar/bater até que a massa esteja bem lisa.

Deixe a massa descansar por aproximadamente 40 minutos em uma travessa com azeite, enquanto isso, no pilão (olha ele aí de novo) macere 1 colher (chá) de sal grosso e 5 ramos de alecrim. 

Massa descansada, coloque em uma forma e com a ponta dos dedos insira o recheio na massa.

massa de pão com alecrim, hora de descansar até dobrar de tamanho

Deixe descansar de novo até que dobre o tamanho e leve ao forno aquecido a 180º por aproximadamente 40 minutos.

pão fofinho e perfeito para limpar o molho do prato

Frango suculento, pele agridoce e bem dourada (não ficou crocante), a maçã assada é sensacional e combina bem com a carne e os demais temperos, o pão macio e com toque de alecrim é o melhor acompanhamento para limpar o molho do prato. Uma combinação muito boa para esperar o inverno chegar...

Ainda entre os Stark: Sansa e seu apetite por bolo de limão.

Sansa está apaixonada, mais do que isso, está deslumbrada com todo um novo mundo para o qual ela foi preparada e finalmente parece vivenciá-lo... pobre Sansa... Bom, neste ponto ela está muito animada ao lado do príncipe Joffrey (a quem está prometida) e sua maior preocupação é decidir se deveria ou não comer o terceiro bolo de limão.

Liquidificador, para quem não sabe, liquidificador era um utensílio muito utilizado nestes dias (só que não). É... "roubei" de novo, mas a receita pode ser feita apenas misturando os ingredientes sem maiores problemas.

Voltando ao liquidificador, coloque 4 ovos inteiros, 75 g de manteiga e o suco de 3 limões. Tudo bem batido, acrescente 2 xícaras de açúcar, deixe bater novamente e 1 a 1 acrescente 3 xícaras de farinha de trigo. Para finalizar, 1 e 1/2 colher (sopa) de fermento em pó. Bata bem até a massa estar homogênea.

Despeje a massa em formas previamente untadas com manteiga e farinha e leve ao forno a 180º por aproximadamente 25 minutos. Retire do forno, espere esfriar.


naked bolinhos de limão

Enquanto isso... Prepare uma calda de limão utilizando o suco de 1 limão, 1/2 xícara de água e 1 colher (sopa) de açúcar, basta ferver. Regue o bolo com esta calda. A cobertura foi feita a partir da mistura de 1 lata de leite condensado com o suco de mais 3 limões. Basta misturar! Para decorar, algumas raspas de limão.

bolinhos de limão devidamente paramentados

Azedinho doce, exatamente como penso que toda sobremesa deveria ser (menos as que levam chocolate). Definitivamente Sansa tem muito bom gosto... não para príncipes, mas para sobremesas... 

Se eu pudesse lhe dar um conselho, diria: coma o terceiro bolo de limão, e o quarto também... 

Provisões são cada vez mais importantes. Porque se por aqui, o inverno acaba amanhã, em Westeros é bom se preparar. O inverno está chegando, e está previsto que será longo e rigoroso... se é que é possível prever alguma coisa com Geroge R. R. Martin por perto.



Ingredientes
Pão caseiro de alecrim:
350g de farinha de trigo
6g de sal
26g de açúcar
21g de fermento biológico
250ml de leite integral
28g de manteiga 

Frango com mel:
1 frango inteiro
2 limões sicialianos
4 dentes de alho
1 folha de louro
1 colher (sopa) de azeite
3 colheres (sopa) de mel
200ml de cerveja pilsen
3 cebolas roxas
70 g de manteiga com sal
3 maçãs
sal a gosto

Bolinhos de limão:
massa:
4 ovos
75 g de manteiga
3 limões
2 xícaras de açúcar
3 xícaras de farinha de trigo
1 e 1/2 colher (sopa) de fermento em pó

Calda:
1 limão
1/2 xícara de água
1 colher (Sopa) de açúcar

Cobertura:
1 lata de leite condensado
3 limões
Raspas de limão para decorar

2 comentários:

  1. Lindas fotos!

    Tudo ficou uma delícia e ponto.

    Nada de sugerir / criticar / dar palpites - hahaha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. é isso aí... elogia que dá trabalho... rs

      Excluir